Buscar
  • Procurement Garage

Por que o RPA (Robotic Process Automation) não vai destruir empregos

Frequentemente, sentimos a apreensão em relação à potencial ameaça de destruição de empregos que, teoricamente, seria provocada com a automação dos processos e a implantação de Robot Process Automation (RPA).


Na realidade, historicamente, temos inúmeros exemplos em que a implantação de uma nova tecnologia não destruiu empregos.



Por exemplo, as novas tecnologias adquiridas durante a Revolução Industrial permitiram a migração de empregos da agricultura para a manufatura e depois da manufatura para os serviços.

Mas talvez as pessoas se preocupem que desta vez com a digitalização do mercado e a necessidade de processos rápidos, a resposta seja diferente.

Na verdade, as novas tecnologias não destroem empregos pois embora possam substituir os humanos por soluções automatizadas e de fato, possam aliviar grande parte do trabalho manual feito por algumas funções, elas também criam novos empregos.

A próxima pergunta então, poderia ser:

As novas tecnologias estão sempre criando novos empregos, mas esse processo de “criação de novos empregos”, em algum momento não chegaria ao fim?

É improvável, e por duas razões fundamentais:

  1. Novas tecnologias criam novas necessidades

  2. Novas tecnologias aumentam a expectativa humana das necessidades existentes

Vamos começar com novas necessidades. Seria justo dizer que ninguém havia previsto, por exemplo, a necessidade das mídias sociais.


No entanto, aqui estamos com as mídias sociais se tornando uma das tecnologias mais viciantes.


Só o Facebook tem mais de 2,4 bilhões de usuários ativos. Como resultado, foram criadas funções como as de gerentes de mídia social e de criadores de conteúdo.


O mesmo poderia ser dito do telefone, da televisão e de inúmeras outras novas tecnologias que criaram novas necessidades e novas ocupações relacionadas para satisfazer essas novas necessidades.

Agora, vamos considerar o aumento na expectativa das necessidades existentes trazido por novas tecnologias.

Na década de 80, uma necessidade existente era poder depositar e sacar dinheiro da conta bancária. Essa necessidade era atendida nos caixas das agências bancárias, através de funcionários do banco.


Então, veio o caixa eletrônico (ATM) que estava, em essência, automatizando os trabalhos desses funcionários.


Na época, havia uma grande preocupação de que eles perdessem seus empregos. Mas o que realmente aconteceu é que a maioria dos funcionários passou a trabalhar no atendimento ao cliente, prestando um serviço mais personalizado.

Poucos empregos foram perdidos e os novos empregos proporcionaram melhores salários.

E mais importante ainda foi que a expectativa dos clientes mudou para sempre. Dependendo da disponibilidade de caixas eletrônicos, depositar ou sacar dinheiro passou a ser possível a qualquer hora do dia, em qualquer dia da semana e em qualquer local. Os bancos sem caixas eletrônicos ficaram em desvantagem competitiva.

O mesmo pode ser dito sobre as compras online nos dias de hoje por onde os consumidores podem comprar um item sem entrar em uma loja física. A lista de exemplos é infinita!

Como resultado do duplo fenômeno de criar novas necessidades e aumentar as expectativas das necessidades existentes, as novas tecnologias criam continuamente novos empregos. Para dar um exemplo mais recente, de acordo com o LinkedIn, as posições de cientistas de dados nos Estados Unidos (EUA) aumentaram 650% entre 2012 e 2017.

Portanto, RPA, talvez por causa das palavras “robô” e “automação”, tenha despertado a inquietação das pessoas mais do que as novas tecnologias anteriores e, como resultado, alimentado mais apreensão.

No entanto, como as anteriores, a tecnologia de automação de processos (RPA), criará novas oportunidades de emprego. Já está criando!


Quer saber mais sobre RPA, assistir uma demo do Robô Comprador e obter o melhores resultados em processos de automação nas áreas de Procument e Supply chain, mande um email para comercial@procurementgarage.com

Adaptado de: “Why RPA will not destroy jobs” – Uipath Release 2020

https://www.uipath.com/blog/why-rpa-will-not-destroy-jobs

58 visualizações
  • Linkedin

SP || Rua Castilho 392, 9º Andar

Brooklin Paulista, São Paulo/SP CEP 04568-010

 

+55 (11) 98964-8946

+55 (21) 98209-7521

comercial@procurementgarage.com

Copyright Procurement Garage 2014. All Rights Reserved